Diablo Immortal teria arrecadado US$ 525 milhões em um ano

Diablo Immortal teria arrecadado US$ 525 milhões em um ano

junho 18, 2023 0 Por Dehat

É impressionante como alguns dos jogos mais populares e lucrativos são aqueles que oferecem uma experiência gratuita. Essa fórmula já é conhecida há muito tempo, mas continua provando ser eficaz. Diablo Immortal é um exemplo disso, supostamente arrecadando incríveis US$ 525 milhões em seu primeiro ano.

É importante ressaltar que esses dados não são oficiais da Blizzard ou NetEase, mas foram relatados pela Data.ai. Segundo esse relatório, Diablo Immortal ocupa a décima quinta posição na lista de jogos para celular que alcançaram a marca de US$ 500 milhões mais rapidamente. Antes dele, encontramos títulos como Pokemon GO, Candy Crush Saga e Genshin Impact. Apesar desses números impressionantes, é possível que as empresas envolvidas ainda tenham algumas decepções em relação às receitas.

No entanto, vale destacar que Diablo Immortal registrou mais de 22 milhões de downloads e tem como principal mercado gerador de receita a China. Curiosamente, analistas preveem que, até 2023, os gastos dos jogadores nos Estados Unidos superarão os da China no jogo.

Esses resultados reforçam a ideia de que criticar os desenvolvedores por suas estratégias, como as lootboxes e microtransações, pode não ser totalmente justo. Afinal, os jogadores têm um papel importante em impulsionar o sucesso financeiro desses jogos.

É curioso observar a ironia que envolve a recente penalidade enfrentada por Diablo Immortal devido às lootboxes, quando comparada ao faturamento impressionante de US$ 525 milhões. Essa discrepância de valores é surpreendente. É importante mencionar que o jogo móvel registrou mais de 22 milhões de downloads, com a China sendo o principal mercado gerador de receita. No entanto, analistas preveem que os Estados Unidos irão superar a China em gastos com Diablo Immortal até 2023.

Essa situação reforça minha crença de que não devemos apenas culpar os desenvolvedores por suas estratégias, incluindo lootboxes e microtransações. O problema reside em nós, os jogadores, que continuam a apoiar e gastar nesses recursos, mesmo que possam ser considerados problemáticos. É uma reflexão interessante sobre como a indústria dos jogos se baseia na interação e preferências dos jogadores.

https://www.youtube.com/watch?v=GNP5qQJ-Zuc